sexta-feira, 29 de julho de 2011

o que é ser pagãos: para os iniciantes

O Paganismo não é uma religião única, mas um termo que engloba todas as religiões que se baseiam no culto à Terra, à Natureza, às divindades naturais. O termo pagão foi generalizado a todos aqueles que não fossem batizados, mas o fato é que o significado do termo é bem mais profundo. Pagão vem do latim pagus ou paganus, que significa, basicamente, “morador do campo” ou “aquele que vive no campo”. Isso porque os povos do campo celebravam as colheitas, tinham sua religiosidade própria; não eram cristãos. Esse foi o termo utilizado pelos cristãos para denominar as pessoas que praticavam os ritos ligados à Natureza. Assim, quando alguém se diz pagão ou neo-pagão, está dizendo que sua religiosidade está ligada ao conceito que tem de sacralidade da Terra, e não que é contra o Cristianismo ou é satanista. Aliás, Satanismo nada tem a ver com Bruxaria, a não ser por definições pejorativas e cristãs.
Neopaganismo

Neopaganismo
A palavra neo também é latina, então o significado mais correto para o termo neopaganismo seria “paganismo novo”. Já vimos que o Paganismo é o nome dado às práticas dos povos pagãos que viviam no campo. Oras, a não ser que você viva em um sítio ou fazendo isolados do mundo e celebre todas as colheitas, plante etc, você não é exatamente pagão, mas um neopagão. Você está recriando o Paganismo, porém, mora em grandes (ou pequenas) cidades e não está exatamente na mesma situação que seus antepassados, certo? Por isso chamamos o movimento atual de Neopaganismo. Não é o Paganismo dos antigos, mas uma reconstrução do antigo.






bruxaria:


Bruxaria
A Bruxaria é chamada de Arte, Ofício e até de religião, dependendo de alguns praticantes. O fato é que a Bruxaria é um conjunto de crenças pagãs com raízes lá atrás, nos primórdios da humanidade. Muitas bruxas chamam a Bruxaria de “A Velha Religião” justamente por isso (o termo tornou-se especificamente popular na Bruxaria italiana, chamada Stregoneria ou Stregheria), mesmo nunca tendo existido uma velha e unificada religião das bruxas. Novamente, o que temos hoje em dia é uma reconstrução do antigo.

Bruxas(os)
Uma Bruxa é uma pessoa que pratica ritos baseada no culto à Natureza. Hoje em dia, temos uma variedade de crenças e vertentes envolvendo o Paganismo e temos bruxas tanto politeístas quanto duoteístas (que celebram a Deusa e o Deus de forma genérica). Apesar de a Bruxaria antigamente ser vivida e criada em clãs ou entre familiares, aos poucos foram-se desenvolvidos grupos chamados covens e hoje em dia, com a mania de Bruxaria que tomou o mundo, há uma infinidade de praticantes solitários que buscam desenvolver seu conhecimento por si só, sem a ajuda de covens ou sacerdotes/isas. Alguns consideram a Bruxaria como uma religião, outros como um conjunto de crenças, outros como uma simples Arte ou Ofício que se utiliza da magia natural.

wicca:


Wicca
Atribui-se este nome às práticas da Bruxaria Moderna, pois quem apareceu com o termo pela 1ª vez foi Gerald Gardner, na década de 1950. No entanto, o que Gardner chama de Wicca não é uma reconstrução da Antiga Religião – não existia “uma Antiga Religião”. Mesmo assim, como os seus livros marcaram o início da época moderna da Bruxaria, Wicca ficou sendo o nome dado à Bruxaria como uma religião estruturada, com seus dogmas, corpo ritual e divindades próprias; a religião da Bruxaria hoje. Para quem é iniciante, tudo isso pode parecer uma verdadeira confusão, mas com o tempo você entenderá direitinho.

Wicca Tradicional

A Bruxaria Moderna é chamada de Wicca. A Wicca Tradicional é baseada nos ensinamentos de Gerald Gardner, de que cada coven tem a sua linhagem (passada exclusivamente através de seus sacerdotes/isas de 3º grau), que remetem ao próprio Gardner. Tais ensinamentos são passados através de uma iniciação tradicional e de um profundo processo de transformação do indivíduo, guiado pelos mestres do coven, que lhes passarão os mistérios da tradição. A Wicca Gardneriana (ou Tradicional) é baseada em um sistema de graus de iniciação (do 1º ao 3º), onde o sacerdote (ou sacerdotisa) se desenvolve até estar apto(a) a passar a tradição a outra pessoa (somente após a iniciação no 3º grau). Bruxos tradicionais acreditam que a auto-iniciação seja uma ilusão inventada para a venda de livros de Bruxaria e afirmam que uma pessoa só pode ser wiccaniana caso seja iniciada por um coven tradicional.





Outras formas de Wicca
A Wicca começou a se modificar depois de passar pelos Estados Unidos e pelos anos 70, quando atravessou o movimento feminista (que pegou carona em uma religião que cultuava uma Deusa). Muitos bruxos tradicionais decidiram abrir suas tradições e misturar outros elementos para que a Wicca pudesse se tornar mais acessível, especialmente aos praticantes solitários. Assim, termos como “autoiniciação” começaram a surgir, sugerindo que qualquer um poderia se tornar wiccaniano bastando um ritual de inserção. Do outro lado, bruxos tradicionais defendem a sua religião com unhas e dentes, lutando para que não se perca em meio a tantas deturpações. E, finalmente, no meio dessa turma temos os moderados, que acreditam sim na linhagem tradicional e hereditária, mas que também buscam desenvolver-se sozinhos, já que não têm a possibilidade de serem iniciados por um coven ou mesmo preferem trabalhar sozinhos. Infelizmente, há poucos assim. Será que mudaremos isso?

Religiões Reconstrucionistas

Desde que a Bruxaria e o Paganismo tornaram-se populares, muitas pessoas afirmam erroneamente que o que praticam são exatamente os mesmos ritos e cultos de milhares ou centenas de anos atrás, o que não poderia estar mais longe da verdade. Assim, o que temos hoje são reconstruções do antigo – não vivemos o Paganismo exatamente como viviam nossos antepassados, mas como vivemos hoje. Cada religião ou vertente pagã hoje em dia tem sua própria estrutura, crenças e pequenos detalhes que fazem dela um caminho particular, e nenhuma delas pode ser vista como “a verdadeira Bruxaria” ou “o verdadeiro Paganismo”. De fato, temos muitas invenções e misturas hoje em dia com o nome Bruxaria estampado na capa, mas estamos descartando essas abominações e falando apenas dos caminhos sérios. Existem diversas vertentes e cabe a cada um descobrir com qual se identifica mais, dentro do Paganismo, caso seja isso mesmo o que seu coração anseia. Não podemos deixar de olhar para o passado, pois ele é imprescindível para tudo o
Não podemos deixar de olhar para o passado, pois ele é imprescindível para tudo o que estudamos, mas precisamos viver o presente, construir o futuro – deixar nosso legado para as gerações posteriores.

Reconstrucionismo é um termo geral para descrever essas religiões atuais que tentam reviver religiões ou práticas religiosas mais antigas. É uma continuação espiritual do que era o Paganismo antigamente.
namastê !!!!

3 comentários:

  1. Sua página é genuinamente Wicca!!! Adorei!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gratidão Arawicca. Volte sempre adorei sua visita!

      Excluir
  2. Nossa, estou aprendendo muito com sua página!

    ResponderExcluir

A Wicca é uma religião baseada na natureza, um desdobramento moderno das tradições pagãs .

Existe um Deus e a Deusa,autoridade central que rege, a religião não reivindica nenhum dogma.
WICCA às vezes chamadoA Velha Religião, representa uma antiga religião de amor à vida e à natureza.
Porém, só se considera um wiccano se obedecer a Lei;
A Wicca é simplesmente uma das religiões mais irresistíveis do mundo, porque ela estimula o intelecto, promove uma maneira simples e prática de vida e, o mais importante, é emocionalmente gratificante.
Wicca celebra os sabás, que marcam as estações do ano.

A bruxa ou bruxo, no coven ou sozinho, usa magia e ervas para direcionar o tempo e a matéria, a fim de alcançar a satisfação psíquica e espiritual.

Bruxas não adoram o diabo!
Bruxaria existiu bem antes ao Cristianismo e não incorpora a crença no Diabo cristão.

Nos últimos 15 anos as crenças em feitiçaria têm evoluído na teoria e na prática.

Os estudos aprofundaram em astrologia, tarô e runas, ervas e pedras, e numerologia.

Reverenciar a natureza e o mundo em que vivemos é a maior prioridade na vida.
Reconhecendo que há mais de um caminho para a iluminação espiritual e que a Wicca é apenas um de muitos, não abordamos ninguém tentando converter para ser um bruxo e respeitamos todas as formas de religiões.
faça o que quiser sem prejudicar ninguem
eliene wicca